Sob olhos cuidadosos

 

97 Quanto amo a tua lei! É a minha meditação todo o dia!
98 O teu mandamento me torna mais sábio do que os meus inimigos, porque eu o tenho sempre comigo.
99 Compreendo mais do que todos os meus mestres, porque medito nos teus testemunhos.
100 Sou mais entendido do que os idosos, porque guardo os teus preceitos.
101 De todo mau caminho desvio os meus pés, para observar a tua palavra.

Na prática, o que significa andar nos caminhos descritos na Bíblia?
Para muitos, é o consolo que as Escrituras trazem, e isso é totalmente verdade.
No entanto a Bíblia nos ajuda a termos SABEDORIA, e sabedoria tem a ver com o “como viver”. O Salmista declara que fica mais sábio que os inimigos, mais do que os mestres e mais do que os idosos. Interessante a abordagem, porque:
a. Ser mais sábio do que os inimigos o livra dos perigos, e se mantém protegido e saudável;
b. Ser mais sábio do que os mestres o leva a sair da teoria e viver intencionalmente os ensinamentos de Deus;
c. Ser mais sábio do que os idosos é declarar que toda a sabedoria experimentada da vida, não se aproxima da sabedoria adquirida diretamente de Deus.

 

Os caminhos do mundo são de maldade e egoísmo, de interesses escusos e abusivos. Viver é uma aventura e tanto e o necessário é ter algum mapa que nos proteja. Este mapa é a Bíblia, a Palavra de Deus. O salmista diz que medita nela o dia todo. É como ter um farol que ilumina o caminho, uma lâmpada que esclarece onde pisamos. Saber o que Deus quer é uma coisa. Saber e obedecer, é outra: “De todo mau caminho desvio os meus pés, para observar a tua palavra”.
Observar é estar atento, tomar precaução, tomar cuidado, etc. Essa é a base para a obediência. Observar o que Deus nos ensina nas Escrituras é levar tão a sério como à própria vida.
Um outro significado de observar é guardar. Por exemplo, Adão foi colocado no jardim para o “guardar”. Qual é a relação de observar com guardar, proteger?
Os pastores, à noite, precisavam proteger o seu rebanho dos predadores. Então construíam um curral para que todos os animais estivessem “guardados” e, consequentemente, protegidos. O rebanho estaria constantemente sob os olhos do pastor, tanto para o alimento, quanto para a proteção.
Observar as Escrituras e guardá-la no coração, nos protege totalmente, de perigos constantes, de más intenções, de “predadores da verdade”. Somos um rebanho que pode descansar porque o Pastor Bondoso está sempre atento. O que precisamos é nos submeter a esse cuidado.

Conheça a Igreja Trinity Online

Mensagem minuto.
Clique abaixo e ouça o podcast.

plugins premium WordPress